COMISSÃO PRÓPRIA
DE AVALIAÇÃO - CPA

 

AVALIAR PARA
EVOLUIR

 

CPA

A Comissão Própria de Avaliação (CPA) é um órgão avaliativo e propositivo, que atua com autonomia em relação aos conselhos e demais órgãos colegiados existentes. Composta por representantes de todas as categorias que integram a comunidade acadêmica mais um representante da sociedade civil organizada, a Comissão possui diversas frentes de atuação que buscam produzir informações relevantes para o direcionamento da gestão da instituição, como é o caso da Avaliação Institucional. Pautada pela transparência, a CPA atua com ampla divulgação, seja da sua composição, seja das suas atividades.

COMPETÊNCIAS

 

CPA

À CPA, observada a legislação pertinente, compete:

I. Conduzir os processos de avaliação interna; 

II. Desenvolver sistemática de acompanhamento, controle e avaliação voltados para a produtividade e para a qualidade do ensino ministrado;

III. Sistematizar e prestar informações relativas à avaliação interna no âmbito do Sistema Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Superior (SINAES); 

IV. Elaborar e analisar relatórios e pareceres e encaminhar às instâncias competentes; 

V. Desenvolver estudos e análises visando o fornecimento de subsídios para a fixação, aperfeiçoamento e modificação da política de avaliação institucional; 

VI. Propor projetos, programas e ações que proporcionem a melhoria do processo avaliativo institucional. 

ATIVIDADES

 

CPA

As atividades da CPA envolvem, de forma simplificada, três ações distintas e que se complementam:
INSTITUCIONAL_FDV_CPA__r4_c2

Planejamento e definição dos elementos de avaliação

INSTITUCIONAL_FDV_CPA__r4_c4

Autoavaliação com a Participação do corpo social da FDV

INSTITUCIONAL_FDV_CPA__r4_c6

Análise e divulgação
dos resultados

AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL

 

CPA

A Avaliação Institucional na FDV tem como objetivo central a melhoria contínua do processo de aprendizagem, destacando padrões de excelência que possam direcionar as decisões estratégicas e operacionais da instituição, condicionando sempre atitudes eminentemente proativas e consistentes para com o sistema organizacional. 

A atividade de autoavaliação consta do calendário acadêmico da FDV desde o ano de 2000 – portanto, bem antes das atuais exigências legais. Após análise, os resultados são amplamente divulgados com apresentação pública para a comunidade acadêmica no auditório da instituição. 

Na análise, a CPA emite relatórios circunstanciados indicando as necessidades de melhorias frente aos resultados obtidos. Essas informações são utilizadas para gerar ações acadêmico-administrativas.

Esse processo avaliativo é sustentado por outros objetivos importantes: 

  • garantir um processo de autoavaliação com transparência;
  • participação sobre o que faz a FDV; 
  • estabelecer um contraponto entre a missão, os objetivos e as ações que efetivamente são desenvolvidas na busca de uma qualidade acadêmica;
  • fornecer estudos e orientações que subsidiem o processo de planejamento e a implementação de medidas que conduzam à execução de um projeto acadêmico socialmente legitimado e relevante quanto à sua repercussão junto à comunidade interna e à sociedade em geral; 
  • identificar fragilidades e acertos com vista ao Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI), aos Projetos Pedagógicos dos cursos e ao Regimento Geral.

Do ponto de vista da administração da FDV, a melhoria da qualidade de suas ações tem como uma de suas prioridades a implementação das avaliações como processo sistemático, formativo e democrático que favoreça o exercício da cidadania e o aperfeiçoamento do desempenho institucional e dentre as estratégias, a avaliação institucional é uma delas.

PROCESSO AVALIATIVO

 

CPA

COMPOSIÇÃO ATUAL

 

CPA

São diretrizes da CPA: ter em sua composição a participação de um membro, indicado pela diretoria, de todos os segmentos da comunidade acadêmica (docente, discente e técnico-administrativo) e de um representante da sociedade civil organizada, ficando vedada à existência de maioria absoluta por parte de qualquer um dos segmentos representados; realizar ampla divulgação de sua composição e de todas as suas atividades.

Corpo Diretivo
Ricardo Goretti Santos

Corpo Docente
Francisca Jeane Pereira da Silva Martins

Corpo Discente
Lívia Pedroni Batista Bastos

Corpo Técnico-Administrativo
Ana Luiza Alvarenga Pereira

Sociedade Civil Organizada (OAB/ES)
Regina Maria Santos Murad

Período de Mandato da CPA 16/01/2019 a 16/02/2022

Ato de designação da CPA
Portaria nº 02/2019 segmentos representados; realizar ampla divulgação de sua composição e de todas as suas atividades.